Luz de Cristo: Semana Santa 2019 (Parte III)

Discípulos de Cristo: Semana Santa 2019 (Parte II)
1 de maio de 2019
Retiro Mariano de Cura Interior
17 de maio de 2019

Luz de Cristo: Semana Santa 2019 (Parte III)

Neste texto, veremos o relato de Arley Humberto (@arleyhumberto)sobre sua vivência da semana santa em missão em uma das comundiades rurais da Arquidiocese de MOntes Claros.

Meu nome é Arley Humberto, sou Anawin da Comunidade Filhos de Maria e neste ano tive a oportunidade de viver a Semana Santa em missão na comunidade de Canta Galo da Paróquia de Botumirim. Ali pude vivenciar com muita alegria a celebração dos atos litúrgicos referentes ao Tríduo Pascal. Uma oportunidade de tocar no mistério de nossa fé atualizado em cada gesto, palavra e ação. Todo o Tríduo Pascal é para mim um chamado sempre novo a adentrar na intimidade com Deus que se fez carne e se coloca à nossa disposição para nos conduzir para a eternidade.

Na comunidade houveram alguns desafios a serem enfrentados, mas que só ampliaram a alegria de estar ali servindo ao povo, sendo para casa família visitada um alívio. Nas celebrações foi possível testemunhar a luta de um povo que, mesmo com todos os desafios, se deixa animar pela graça de Deus que os move a ir de luta em luta na busca de um algo melhor.

De modo muito especial, destaco a Vigília Pascal aonde, diante da luz do Círio, pude me recordar da Luz de Cristo que vence todas as trevas. Como foi dito para a comunidade durante a preparação para as celebrações, era importante que mais que os gestos cheios de significados durante a celebração, que a Ressurreição de Nosso Senhor atingisse a vida de cada um e, assim, trouxesse vida nova para toda a comunidade. Foi exatamente isso que pude sentir durante a celebração e após a mesma.

Celebrar a Semana Santa é uma grande graça.
Viver a alegria de servir ao próximo na decisão ser para cada pessoa um sinal do Amor de Deus, eis o sentido, para mim do ser missionário. É um colocar em prática aquilo que afirmamos em palavras, é fazer de cada coração uma terra de missão na qual o Senhor deve ser conhecido e amado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *